Tradutores e interpretes

Atualmente não existem tradutores ou interpretes públicos (vulgo “juramentados”) do idioma sueco no Brasil, como tem poucos falantes da língua no país. Porém é possível nomear um tradutor ad hoc por processo de tradução ou interpretação na Junta Comercial do Estado (por exemplo na JUCESP em São Paulo).

Traduções ad hoc são válidas para todos os fins legais de acordo com a legislação brasileira. Um dos pré-requisitos para poder ser nomeado tradutor ad hoc é ser cidadão brasileiro. Leva no mínimo 3-4 semanas para ter uma tradução ad hoc publicada e, portanto, a tradução deve ser planejada com boa antecedência. A Junta Comercial cobra uma taxa pelo processo e os serviços do tradutor são pagos a parte. Para maiores informações sobre traduções ad hoc favor entrar em contato com um dos tradutores abaixo listados.

Caso a tradução seja urgente é possível certificar uma tradução simples por um tradutor independente na Embaixada ou em qualquer um dos Consulados Gerais em São Paulo ou no Rio de Janeiro. Este procedimento com certificação não é aceito por todas as autoridades brasileiras, universidades ou órgãos públicos. A responsabilidade de verificar a aceitação de tais traduções é do próprio solicitante. Não serão feitos reembolsos de valores pagos por traduções eventualmente não aceitas.

Traduções de Carteiras de Habilitação emitidas na Suécia podem ser feitas diretamente na Embaixada ou Consulado Geral, sem a necessidade de uso dum tradutor.

Ressaltamos que os tradutores ora listados nesta página não mantêm qualquer vínculo empregatício com o Consulado e, portanto, o contato e os honorários do tradutor são acertados pelo próprio solicitante.

Traduções destinadas para uso na Suécia devem ser feitas por um tradutor público da Suécia. Para maiores informações e dados de contato, favor consultar a página da Agência Sueca de Serviços Legais, Financeiros e Administrativos (“Kammarkollegiet”). Muitas autoridades suecas também aceitam traduções para o inglês, mas esta informação deve ser verificada diretamente com a própria autoridade.

Tradutores e intepretes

PARANAVAÍ

Stefan Johansson (não pode ser nomeado ad hoc)

Cel. (44) 99776 3322

E-mail: [email protected]

BRASÍLIA

Karin Ekström (ad hoc)

Cel. +46 761 08 42 43 (WhatsApp)

E-mail: [email protected]

RIO DE JANEIRO

Anna Nyström (ad hoc)

Tel. (21) 2554-9042, cel. (21) 98301-3999

E-mail: [email protected]